Os rumos da população mundial – perspectivas

Dinâmica populacional dos próximos anos requer políticas públicas que acompanhem as tendências da sociedade brasileira

Organizado pela técnica de Planejamento e Pesquisa do Ipea, Ana Amélia Camarano, ele traz 21 artigos, congregando o trabalho de 25 pesquisadores. A publicação, que relaciona demografia com temas como previdência, meio ambiente, saúde, participação feminina e de idosos no mercado de trabalho, mortalidade, arranjos familiares, crescimento econômico, distribuição de renda, homicídios, entre outros, é uma realização da Diretoria de Estudos e Políticas Sociais do Instituto (DISOC).

O livro mostra que a população brasileira está entrando num novo regime demográfico, caracterizado pela contração da população e superenvelhecimento. A população começará a diminuir por volta de 2035, bem como a força de trabalho. Isto colocará restrições ao crescimento econômico, à manutenção dos mecanismos intergeracionais, dentre outros aspectos que são discutidos no livro.

Os pesquisadores discutem questões demográficas que afetam o crescimento da economia nacional e propõem a necessidade de estudar e acompanhar a dinâmica da população. O estudo cruza dados econômicos e sociais e apresenta resultados sobre a atividade populacional de acordo com sexo, idade, grupos de renda e a relação com fatores influenciadores deste movimento, como a violência e as mudanças climáticas.
Entre as novidades, os dados mostram que a atividade das mulheres no mercado de trabalho aumentou até 2008, mas, de lá para cá, decaiu. Um dos motivos desse movimento decrescente seria a necessidade das mulheres, em idade produtiva, de dar atenção às crianças e aos membros mais velhos da família.

O livro, então, questiona: com a redução e o envelhecimento da população, cuidar de crianças e idosos com doenças incapacitantes continuará sendo apenas responsabilidade da família? Como a mulher poderá combinar carreira e maternidade para garantir a oferta de força de trabalho e a reposição da população?

No aspecto ecológico, foi constatado que o crescimento da população mais velha afetará mais o meio ambiente por conta de seus hábitos de consumo. O livro traz estas e outras questões importantes para o entendimento da dinâmica populacional nos próximos anos e alerta para o aprimoramento das políticas públicas a fim de acompanhar as tendências da sociedade brasileira.

Leia o livro ‘Novo Regime Demográfico: Uma Nova Relação entre População e Desenvolvimento Econômico?’

Fonte: http://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=23921

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *