Resistiremos. Subindo e descendo as escadarias da vida

A Resistência é o nome do quadro que ilustra esta postagem. Um óleo sobre tela de José Milton de Faria

Subir e descer as escadarias da vida

Por Milton José Faria

Estavam em redor de uns e outros ociosos, um homem, trocando ideias. Quando, em passagem,  aparece o Senhor.

Então, o Senhor avista, entre os que estavam reunidos, esse homem e virando-se disse a ele: Vem a mim. Esse homem, então, saiu junto dos demais e foi até ao Senhor, que lhe falou: anda comigo  e o homem o seguiu.

Foram andando, andando, sem trocar nenhuma palavra. Demorou um pouco, tempo que pareceu longo. Chegaram em frente a uma escadaria e o Senhor, então, apontou ao homem dizendo: Iremos subir, mas, antes, porém, devo dizer que essa escadaria tem oitenta e dois (82) degraus, não os conte. E, ainda, o Senhor disse-lhe: não reclame ao subir, porque já sei dos problemas com o seu corpo físico. Vamos, apenas, galgar os degraus. Iremos ao topo da escadaria, pelo meio dela sem segurar em parte alguma. Vamos, subir.

Assim, começou a jornada de colocar os pés de degrau em degrau. Falou o Senhor: não olhe para traz, devemos atingir o topo dos oitenta e dois (82) degraus. O homem com dificuldade para subir, olhou ao Senhor e continuo de degrau por degrau, meio estonteante e sentindo a realidade do seu estado físico e a idade. Foi trocando pé por pé ao lado do Senhor. Demorou e atingiu o topo da escadaria ao chegar, pararam.

O Senhor, o mandou olhar para baixo. Foi, então, que ao perceber a altura o Senhor falou: conseguiu subir, esta é a vitória de sua vida, está salvo até aqui. Porem, tem outro resultado, iremos descer, mas sem encostar em coisa alguma, o homem já confiante por ter subido, logo, pensou como vou conseguir descer sem corrimão e pelo meio, respondeu consigo mesmo: como estou acompanhado do Senhor, não temerei em descer. Vou lentamente degrau por degrau, estarei, sempre acompanhado do Senhor.

Pensou e deu o primeiro passo  e sentiu o pisar, Assim, degrau por degrau, continuamente se sentiu prosperando em sua jornada de descida. Como na subida, meio estonteante. Ia conseguindo o seu intento, com o Senhor, sempre ao seu lado, sem ajudá-lo. Quando chegou no meio, parou e ao olhar para baixo, falou consigo mesmo, puxa como estou cansado. O Senhor disse ao homem, não podemos parar temos que seguir em frente. 0 homem pensou e animado continuo, mesmo com dificuldades, a dar os passos dos restantes.

Mesmo comas suas limitações o homem andou com mais alegria até que viu o  final, ao pisar último degrau, e, contente, pisou em terra firme e ficou alegre. O Senhor virou-se e falou: está muito contente pela conquista, faz muito bem, aí está a sua fé que trouxe a salvação. E o Senhor despediu-se do homem e seguiu em frente e deixando-o a pensar..

O homem, parou, e debaixo para cima olhou os degraus e falou para si mesmo: não é atoa que a caminhada é uma jornada, Subir e descer é difícil. Pois, bem, é o ensino e o aprendizado da vida. É difícil. Pois bem,  agora não precisa adivinhar a minha idade.  Esses são os degraus de minha vida.

O homem foi andando para junto dos seus em sua casa, todo contente por ter a companhia do Senhor ao conseguir o feito de subir os degraus e tendo fé sem desanimar, tanto na  na subida como na descida.

Salve o Senhor ele é o companheiro dos nossos dias. Benditas as palavras da fé. Viva a Velhice!

Comentário do Blog: Em agradecimento ao amigo Milton José, posto uma música (gravada em 1988 pelo Duo Dinâmico) que em 2020 foi transformada em  hino das equipes que trabalharam no combate ao Covid-19, na Espanha. Nessa gravação os artistas participaram com o objetivo de  arrecadar recursos para a Cáritas espanhola.

3 thoughts on “Resistiremos. Subindo e descendo as escadarias da vida

  1. Administradora do Blog. Fiquei deslumbrado com o esmero dado a pagina no Viva a Velhice em ” Resistiremos ” .Cuja Administradora tem dado o desempenho onde tornar um conteúdo de larga escala para os que nela tem o apoio. Como Vivaz logo penso será que merecemos , atenção que o Blog venha ao nosso encontro em desfilar a harmonia conscientizadora de um chamado estendido ao respeito as pessoas com a Velhice de surpreender. Fico sempre surpreso com a maneira que tenho sido tratado. Assim, como tenho visto em todas as pessoas que acessam a pagina de Viva a Velhice. Grato por ter colocado homenagem ao ” Duo Dinâmico “,nesta época de arrepiar os nervos que o Covid-19. E,ainda as Cáritas espanhola. Parabéns, continue sempre nesse incentivo, chegaremos de mãos dadas aos dias das labutas diárias do amanho da terra.

    1. Milton José, minha proposta ao criar ao Blog há cinco anos passados era e continua sendo, a de ser aqui um lugar de informações sobre o envelhecer. Tendo presente que viver é um processo sistêmico e que o processo de envelhecimento não pode ser visto em separado.
      Não trabalho com a ideia de que Blog é para ganhar dinheiro para que mesmo artigos “longos” ou “super longos” estejam aqui por inteiro sem precisar de links para sua leitura.
      Vamos em frente, aprendendo sempre. Abraço, sempre grata pela tua presença.

      1. Mais um texto lindo do senhor Milton, uma analogia sensivel entre trajetos de vuda e escadarias com seus sobe e desce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *